18.11.10

 

1822


Que delícia o livro "1822" do Laurentino Gomes!
Finalmente saber a história da independência brasileira; suas guerras, secessões, revoltas, perseguições, execuções, prisões e exílios.
Suas criações políticas, suas lutas, seus debates e embates, suas coincidências e acasos, suas origens e seus amálgamas de interesses, de raças e de credos.
Um livro escrito por um senhor historiador-jornalista-repórter, de leitura extremamente agradável e informativa.
O quadro de Pedro Américo, hoje no Museu do Ipiranga, além de ser um plágio notório, não retrata senão a história oficial, que aprendemos errada ou incompleta na escola e, quem diria, com o Tarcísio Meira em 1972.
Saber dos indizíveis horrores e de todo o sofrimento das Guerras da Independência pode nos fazer valorizar mais o que temos hoje e nos dar uma idéia melhor de nós mesmos.
Pois se este país improvável foi inventado a partir de 1822, continua, ainda mais, a ser inventado e reinventado nos dias de hoje, por todos que aqui estamos.

Comments: Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?