30.6.07

 

Pound
Evan Bernard



 

Deus
Laerte



 

Mthandazo Wase Africa
Holy Cross Choir



 

Velha Fritando Ovos
Old Woman Frying Eggs
Diego Velazquez
1618



 

Paródia de Ópera
Opera Parody
Beverly Sills & Danny Kaye




Em inglês, sem legendas.
***
In English, no subtitles.

 

Comercial
Commercial




 

Johnny Puleo & Milton Berle
The Harmonica Gang



 

Computador
Computer



 

Cello Concerto
Haydn
Rostropovich



 

Cadê Mimi
Mário Reis




No filme Alô Alô Carnaval, 1933.
***
In the film Alô Alô Carnaval, 1933.

 

Meu Fado Meu
Mariza



 

Poemas 45
Poems 45


What Do Women Want?
Kim Addonizio

I want a red dress.
I want it flimsy and cheap,
I want it too tight, I want to wear it
until someone tears it off me.
I want it sleeveless and backless,
this dress, so no one has to guess
what's underneath. I want to walk down
the street past Thrifty's and the hardware store
with all those keys glittering in the window,
past Mr. and Mrs. Wong selling day-old
donuts in their café, past the Guerra brothers
slinging pigs from the truck and onto the dolly,
hoisting the slick snouts over their shoulders.
I want to walk like I'm the only
woman on earth and I can have my pick.
I want that red dress bad.
I want it to confirm
your worst fears about me,
to show you how little I care about you
or anything except what
I want. When I find it, I'll pull that garment
from its hanger like I'm choosing a body
to carry me into this world, through
the birth-cries and the love-cries too,
and I'll wear it like bones, like skin,
it'll be the goddamned
dress they bury me in.

29.6.07

 

Hugo
Laerte



 

A Whiter Shade Of Pale
Procol Harum
1967



 

Terraço do Hotel Mistral
Terrace of Hotel Mistral
Georges Braque
1907



 

Film Noir




Em inglês, sem legendas.
***
In English, no subtitles.

 

Multidimensional Reflections
William Higgins



 

Barbara Ann
The Beach Boys
1965



 

Canto de Xangô
Naná Vasconcelos &
Virgínia Rodrigues



 

Violeta Parra




Algumas legendas.
***
Some subtitles.

 

La Muralla
Quilapayun



 

Arrivée d'un train à la Ciotat
frères Lumière
1895



 

Poemas 44
Poems 44


O Espírito da Letra
Bruno Tolentino

Ao pé da letra agora, em minha vida

há a morte e uma mulher... E a letra dela,
a primeira, me busca e me martela
ouvido adentro a mesma despedida

outra vez e outra vez, sempre espremida
entre as vogais do amor... Mas como vê-la
sem exumar uma vez mais a estrela
que há anos-luz se esbate sem saída,

sem prazo de morrer na luz que treme?!
O monstro que eu matei deixou-me a marca
suas pernas abertas ante a Parca

aparecem-me em tudo: é a letra M
a da Medusa que eu amei, a barca
sem amarras, sem remos e sem leme..."

28.6.07

 

Bruno Tolentino
1940-2007


Faleceu ontem, em São Paulo, o poeta e amigo Bruno Tolentino.

Juntou-se a W. H. Auden e a Saint-Jonh Perse, dois dos grandes poetas que o admiravam.
Foi um homem de inteligência fulgurante e profundamente humana.
Tive a honra de ser brindado com sua vasta cultura e apuradíssimo senso poético.
Lembro de visitá-lo, ali na rua Monte Alegre, onde morava desde que voltou ao país.
Por vezes saímos para conversar e almoçar. Meu privilégio.
Vai fazer muita falta.
Perde o Brasil um dos seus poetas maiores.

Fica sua poesia magistral e a saudade de seus amigos.

O Espectro
Bruno Tolentino

A Ivan Junqueira

Não há como agarrar-te à natureza
quando a asa da noite baixa e faz
a sombra sobre a acha, a lenha presa

à luz da labareda que a desfaz;
morres despreparado ou morres bem,
mas passas pela cinza, meu rapaz.

Tudo talvez ressurja mais além,
mas ao abutre, albatroz, águia ou condor
o vôo acaba por pesar e tem

que perder altitude no esplendor:
dos páramos à esteira de uma nave
estende-se a amplidão, mas sem repor

fôlego a um coração até que a ave
recolha a asa e pronto, se acabou,
foi-se o que era tão doce! Tão suave

levitou-se e mais nada lembra o vôo...
Nada, nem mesmo a terra, eqüidistante
do que caiu como do que voltou,

com uma equanimidade impressionante.
E caso a interpelassem que diria?
Nada outra vez, ou menos que o ex-amante

fingindo-se impassível se algum dia
ouve dizer que tudo acaba assim.
Pois foi assim que o espectro da poesia

surgiu-me um belo dia, e veio a mim
assim que eu consegui levar a sério
os canteiros de Kant num jardim

à beira Tâmisa, ante um cemitério...
Lá estivera eu de mão no queixo
a espanar as lombadas do mistério,

seguindo a lógica ao seu belo fecho:
afinal, se a equação mais arbitrária
conseguiria amarrar a terra a um eixo,

qualquer cogitação imaginária
não seria nem mais nem menos frágil;
divagações da hora solitária,

arabescos da mente, sempre ágil
ao fazer de um trapézio o seu lugar.
Pois foi então que, assim como um presságio

obriga a respirar mais devagar,
mas faz bater mais forte o coração,
eu primeiro senti aquele olhar

antes de perceber a assombração
que entre o rio, o junquilho e o malmequer
vi caminhar em minha direção.

Atônito, amparei-me a uma mulher,
semidesfalecido: o encapotado
era a cara do Charles Baudelaire

do retrato, cuspido e escarrado!
Ninguém via o que estava acontecendo,
em toda aquela gente ali ao lado

ninguém notava aquele rosto idêntico
à corola da rosa corroída
em que Blake encarnara o sofrimento.

E lá vinha ele andando! Espavorida
mas alerta, habilíssima colméia,
a mente me exigia uma saída

e, assim como o avestruz ante a alcatéia,
insistia em não ver: não, não seria,
não podia ser ele, era outra idéia

a espumejar na velha alegoria
dos nevoeiros que complicam Londres...
Mas não havia erro! A ventania

havia depenado tanto as frondes
que atirava topázios e safiras
contra o bueiro em brasas do horizonte,

mas nele havia o ar dessas mentiras
que dizem a verdade: confrontou-me
e num rápido olhar deixou-me em tiras

os trapos da razão – era o meu homem!
Há múmias que uma vez desembrulhadas
têm escrito na cara o nosso nome.

Carros, ônibus, gente nas calçadas,
um semáforo ao longe, vaga-lume
estático entre sombras apressadas,

e aquilo a se agitar que nem um cume
de palmeira no ar – e andando, andando
e desferindo o olhar como um perfume

de gangrena fatal ensarilhando
o eterno câncer da imaginação
que desorbita a mente como um bando

de morcegos agrava a escuridão.
Por fim parou-me ao lado e imaginei
ouvir (talvez sonhasse, talvez não...)

um balbucio familiar e cheio
de ecos aos que andamos pelo canto:
“Andaste num vazio sempre alheio,

entre noções apenas e, no entanto,
nunca bastou sequer a consolar-te
tanta fabulação cheia de espanto,

de dor... Buscas o todo parte a parte,
queres as perfeições da geometria,
e ao fim do sonho circular da arte

entregas tudo à fantasmagoria,
aos jogos malabares da ilusão.
Andas equivocado e nem seria

de surpreender tua equivocação,
porque, se alguma vez desconfiaste
dessa imprudência, abriste o coração

à luz conceitual, o belo traste
que temes porque o adoras e te leva,
como o refém que és do que adoraste,

de lição em lição à mesma treva.
É tudo sempre a treva tumultuosa,
não por causa da carne, que se eleva

quando quer à estação miraculosa,
mas por causa do olhar que não quer ver
e abisma-se em si mesmo, como a rosa

amada pelo verme e sem poder
de o recusar, tentando resignar-se.
Não te resignes mais a conceber

um triunfo de idéias, um disfarce
para as caras da morte neste mundo,
uma equação qualquer que a mascarasse,

como o médico mente ao moribundo
e o coitado a si mesmo: também eu
meti-me com paixão nesse infecundo

escrínio de ilusões, mas vem do céu
a luz que nos sustém, a que alucina,
a luz conceitual, nasce de um breu.

Não sigas mais a falsa peregrina
que rapta a imagem, rouba-lhe o reflexo
e entrega os dois a um jogo que termina

por desfazer de tudo a cada nexo.
A terra é provisória e improvidente,
tudo é relâmpago entre a morte e o sexo,

mas a alma faminta não consente
que lhe mintam! A Idéia te convida
mas não recebe nunca e, de repente,

entre a porta da entrada e a da saída
perdes as proporções e logo a conta,
o fio da meada e o dom da vida;

fecha-se a última jaula e a fera tonta
descobre que agoniza e morre presa.
E no entanto repara: o cisne aponta

para a altura cantando, e com certeza
essa canção no extremo transfigura
a coisa moritura e a alma surpresa

entre o número, o nada e a noite escura...

 

Laerte



 

The Devil Went Down To Georgia
The Charlie Daniels Band




Em inglês, sem legendas.
***
In English, no subtitles.

 

Domingo
Sunday
Paul Signac
1890



 

A Hard Rain’s A Gonna Fall
Bob Dylan
1971




Ao vivo, em Bangladesh.
***
Live, in Bangladesh.

 

Love Through St.Vitus Mirror
Aldo Guenther




Em inglês, sem legendas.
***
In English, no subtitles.

 

O Velho e os Peixes
The Old Man and the Fish



-


Dica de Júlio Moreira.
***
Tip of Júlio Moreira.

 

Gloria
Van Morrison
1965



 

Barco Negro
Mariza




Com a história da música em inglês, sem legendas.
Ao vivo, em Londres.
***
With the story of the song, in English, no subtitles.
Live, in London.

 

La Pura Verdad
Atahualpa Yupanqui




Sua última gravação.
Em espanhol, sem legendas.
***
His last recording.
In Spanish, no subtitles.

 

A Las Chicas de Flores
Oliverio Girondo
1920




Las chicas de Flores, tienen los ojos dulces, como las almendras azucaradas de la Confitería del Molino, y usan moños de seda que les liban las nalgas en un aleteo de mariposas.
Las chicas de Flores, se pasean tomadas de los brazos, para transmitirse sus estremecimientos, y si alguien las mira en las pupilas, aprietan las piernas, de miedo de que el sexo se les caiga en la vereda.
Al atardecer, todas ellas cuelgan sus pechos sin madurar del ramaje de hierro de los balcones, para que sus vestidos se empurpuren al sentirlas desnudas, y de noche, a remolque de sus mamas — empavesadas como fragatas — van a pasearse por la plaza, para que los hombres les eyaculen palabras al oído, y sus pezones fosforescentes se enciendan y se apaguen, se enciendan y se apaguen como luciérnagas.
Las chicas de Flores, viven en la angustia de que las nalgas se les pudran, como manzanas que se han dejado pasar, y el deseo de los hombres las sofoca tanto, tanto, que a veces quisieran desembarazarse de él como de un corsé, ya que no tienen el coraje de cortarse el cuerpo a pedacitos y arrojárselo, a todos los hombres que pasan por la vereda.

 

Poemas - 43
Poems - 43


A Uma Mulher

Paul Verlaine

Para vós são estes versos, pela consoladora
Graça dos olhos onde chora e ri um sonho
Doce, pela vossa alma pura e sempre boa,
Versos do fundo desta aflição opressora.

Porque, ai! o pesadelo hediondo que me assombra
Não dá tréguas e, louco, furioso, ciumento,
Multiplica-se como um cortejo de lobos
E enforca-se com o meu destino que ensangüenta!

Ah ! sofro horrivelmente, ao ponto de o gemido
Desse primeiro homem expulso do Paraíso
Não passar de uma écloga à vista do meu!

E os cuidados que vós podeis ter são apenas
Andorinhas voando à tarde pelo céu
- Querida - num belo dia ameno de setembro.

27.6.07

 

Insegurança
Laerte



 

Groovy Man
Dizzy Gillespie Big Band
1947



 

Pelagos
Barbara Hepworth
1948



 

Comercial
Commercial




Em inglês, sem legendas.
***
In English, no subtitles.

 

Senhor dos Anéis
Lord of the Rings
1940




Paródia.
Em inglês, sem legendas.
***
Parody.
In English, no subtitles.

 

Rollin' Stone
Muddy Waters



 

Espelhos da Morte
Mirrors of Death




Experimento.
Engraçado.
***
Experiment.
Funny.

 

Baba O'Riley
Blue Man Group



 

Ave Maria
Schubert
Yehudi Menuhin



 

With a Little Help From My Friends
Joe Cocker




Em Woodstock.
***
In Woodstock.

 

Poemas - 42
Poems - 42


O Cão e a Cadela
Manuel Maria Barbosa du Bocage


Tinha de uma cadela um cão fome canina,
Ele bom perdigueiro, ela de casta fina:
Mil foscas lhe fazia o terno maganão,
Mas gastava o seu tempo, o seu carinho em vão.
Dando no chichisbéu dentada e mais dentada,
A fêmea parecia uma cadela honrada
E incapaz de ceder às pretensões de amor.
Mas o amante infeliz foi sabedor
De que a mesma, em que via ações tão desabridas,
Era co'um torpe cão fagueira às escondidas.
Se és sagaz, meu leitor, talvez tenhas visto
Cadelas de dois pés, que também fazem isto.

26.6.07

 

Behind Blue Eyes
The Who
1979



 

Buraco da Fechadura
Keyhole
Elizabeth Murray
1982



 

Pare e Ouça a Música
Stop and Hear the Music
Joshua Bell




Numa experiência inédita, Joshua Bell, um dos mais famosos violinistas do mundo, tocou incógnito, durante 45 minutos, numa estação de metrô de Washington D.C., de manhã, na hora do rush, despertando pouca ou nenhuma atenção. A iniciativa foi do jornal The Washington Post, com a idéia de lançar um debate sobre arte, beleza e contexto. Ninguém reparou também que o violinista tocava com um Stradivarius de 1713, que vale 3,5 milhões de dólares. Três dias antes, Bell tinha tocado no Symphony Hall de Boston, onde os melhores lugares custam 100 dólares.
***
In a novel experience, Joshua Bell, one of the most famous violin players in the world, played anonymously, for 45 minutes, in a subway station in Washington D.C., in the morning rush hour, raising little or no attention at all. The initiative was of the newspaper The Washington Post, with the idea of provoking a debate about art, beauty and context. Nobody realized that he was playing with a 1713 Stradivarius worth 3.5 million dollars. Three days before, Bell had played in the Boston Symphony Hall, where the best seats sell for 100 dollars.

 

Al Ajedrez
Jorge Luis Borges




Declamado pelo poeta.
Em espanhol, sem legendas.
***
Recited by the poet.
In Spanish, no subtitles.

 

América
America




Vídeo-clipe.
América negra.
Em inglês, sem legendas.
***
Video-clip.
Black America.
In English, no subtitles.



 

Lessa Faker
Um Kulthoum




Em Árabe, sem legendas.
***
In Arabic, no subtitles.

 

The Best War Ever
John Stauber & Sheldon Rampton




Curta metragem sobre o Iraque.
***
Short film on Iraq.

 

Clark Burroughs & Johnny Mercer



 

Jacobs Ladder
Bruce Springsteen



 

Poemas - 41
Poems - 41

A MUSA VENAL
Baudelaire

Ó musa de minha alma, amante dos palácios,
Terás, quando janeiro desatar seus ventos,
No tédio negro dos crepúsculos nevoentos,
Uma brasa que esquente os teus dois pés violáceos?
Aquecerás teus níveos ombros sonolentos
Na luz noturna que os postigos deixam coar?
Sem um níquel na bolsa e seco o paladar,
Colherás o ouro dos cerúleos firmamentos?
Tens que, para ganhar o pão de cada dia,
Esse turíbulo agitar nas sacristia,
Entoar esse Te Deum que nada têm de novo,
Ou, bufão em jejum, exibir teus encantos
E teu riso molhado de invisíveis prantos
Para desopilar o fígado do povo.

25.6.07

 

Coca
Coke


Vista aérea de um campo de trigo que foi destruído por um motorista que havia consumido cocaína, segundo a polícia holandesa, em imagem que foi liberada apenas nesta segunda-feira (25). Na última sexta-feira (22), o homem tentava fugir de uma perseguição policial, e acabou destruindo duas macieiras, uma cerca de metal, e ainda deixou a plantação acabada, em Dussen, no sul da Holanda. (Foto: AP)



 

The Cotton Club
Bratislava Hot Serenaders



 

A Barca de Dante
The Barque of Dante
Eugene Delacroix
1822



 

Where Have All the Flowers Gone?
Pete Seeger
Marlene Dietrich

1963




 

"El Diablo" Bush
Hugo Chavez na ONU




Em espanhol, sem legendas.
***
In Spanish, no subtitles.

 

Treze Mulheres
Thirteen Women
Myrna Loy & Irene Dunne
1932



 

A Morte do Vaqueiro
Luiz Gonzaga




Foto clipe.
***
Photo clip.

 

La Grande Guerra
Mario Monicelli
1959




Com Gasmann, Sordi e Silvia Mangano.
***
With Gasmann, Sordi and Silvia Mangano.

 

Serrote
Saw




Música folklórica austriáca.
***
Austrian folk music.

 

Nobody Knows the Trouble I've Seen
Louis Armstrong & Friends



 

Hunger
Billy Collins




The fox you lug over your shoulder in a dark sack has cut a hole with a knife and escaped. The sun lightness, makes you think you are stronger as you walk back to your small cottage through a forest that covers the world.

24.6.07

 

Gatos
Laerte



 

Amazon River Quartet



 

Garoto Alemão
German Kid




Com legendas em inglês.
***
With English subtitles.

 

Paris: Um Dia de Chuva
Paris: A Rainy Day
Gustave Caillebotte
1877



 

The Desert Song
The Hi-Lo's



 

La Supercazzola
Ugo Tognazzi




Em italiano, sem legendas.
***
In Italian, no subtitles.

 

Virus
Mark Peria




Curta-metragem.
Em inglês, sem legendas.
***
Short film.
In English, no subtitles.

 

Pulp Fiction Dancing
Uma Thurman & John Travolta



 

Der Lindenbaum
Schubert
Fischer-Dieskau




Der Lindenbaum

Am Brunnen vor dem Tore
Da steht ein Lindenbaum;
Ich träumt' in seinem Schatten
So manchen süßen Traum.

Ich schnitt in seine Rinde
So manches liebe Wort;
Es zog in Freud' und Leide
Zu ihm mich immer fort.

Ich mußt' auch heute wandern
Vorbei in tiefer Nacht,
Da hab' ich noch im Dunkeln
Die Augen zugemacht.

Und seine Zweige rauschten,
Als riefen sie mir zu:
Komm her zu mir, Geselle,
Hier find'st du deine Ruh'!

Die kalten Winde bliesen
Mir grad' ins Angesicht;
Der Hut flog mir vom Kopfe,
Ich wendete mich nicht.

Nun bin ich manche Stunde
Entfernt von jenem Ort,
Und immer hör' ich's rauschen:
Du fändest Ruhe dort !

 

Yo Yo Ma toca Ennio Morricone II
Yo Yo Ma plays Ennio Morricone II



 

Impromptu
Schubert
Rubinstein



 

Now and Then
Billy Collins




This poet of the Tsong dynasty is so miserable. The wind sighs, a single swan passes overhead and he is alone on the water in his skiff. If only he appreciated life in eleventh century China as much as I do. No loud cartoons on television, no music from the ice-cream truck. Just the calls of many birds and the steady flow of the water clock.

23.6.07

 

Piratas do Tietê
Laerte



 

Dora Kramer


Hoje no OESP: (o governo) "Acredita na lenda da paz na economia sobre todas as coisas, apoia-se nos dotes artísticos do showman que ocupa a Presidência da República, aposta na gratidão subserviente dos desvalidos, manipula a falta de discernimento e o complexo de culpa dos intelectuais, patrocina a exploração dos financistas, alimenta a ambição dos fisiológicos e toca o baile enquanto o País se afunda em corrupção, insegurança pública, paralisia da infra-estrutura e ausência de gestão."
***
Today in the newspaper O Estado de S.Paulo: (the administration) "Believes in the myth of peace in the economy above all things, leans on the artistic gifts of the showman who occupies the Presidency of the Republic, bets in the servile gratitude of the have-nots, manipulates the lack of judgement and the guilt trip of the inteligentsia, sponsors the exploitation by the financiers, feeds the ambitions of opportunistic politicians and conducts the ball while the Nation drowns in corruption, in public insecurity, in the paralysis of its infrastructure and in the absence of management."

 

Goin' Down Slow
Mance Lipscomb



 

Interior De Uma Floresta
Interior Of A Wood
Asher B. Durand
c. 1850



 

Eu Vim do Céu
I Came from the Sky




Animação do folklore etíope.
Em inglês, sem legendas.
***
Animation of Ethiopian folklore.
In English, no subtitles.

 

Espelhos no Espaço
Mirrors in Space




ABC Show.
Em inglês, sem legendas.
***
ABC Show.
In English, no subtitles.

 

Mirrors
Ricard L. Befan




Curta metragem.
***
Short film.

 

Twist and Shout
The Beatles




Clipe antigo.
***
Old clip.

 

Goodbye Ruby Tuesday
Rolling Stones
Vivien Leigh



 

Milonga De Mi Amor
Gotam Project



 

Yo Yo Ma toca Ennio Morricone
Yo Yo Ma plays Ennio Morricone




Em inglês e italiano, com algumas legendas.
***
In English and Italian, with some subtitles.


 

Some Days
Billy Collins




Some days I put people in their places at the table. Bend their legs at the knees if they come with that feature. And fix them into the tiny wooden chairs. All afternoon they face one another. The man in the brown suit, the woman in the blue dress. Perfectly motionless, perfectly behaved. But other days, I am the one who is lifted up by the ribs, then lowered into the dining room of a doll house to sit with the others at the long table. Very funny, but how would you like it if you never knew from one day to the next if you were going to spend it striding around like a vivid God, your shoulders in the clouds. Or sitting down there amidst the wallpaper, staring straight ahead with your little plastic face.

22.6.07

 

O Síndico
Laerte



 

Long Black Veil
Bruce Springsteen




Em Amsterdam.
***
In Amsterdam.

 

Natureza Morta Com Jarros de Cerâmica
Still Life With Pottery Jars
Francisco de Zurbaran
1598-1664



 

Os Mortos
The Dead
Billy Collins




The dead are always looking down on us, they say, while we are putting on our shoes or making a sandwich, they are looking down through the glass-bottom boats of heaven as they row themselves slowly through eternity. They watch the tops of our heads moving below on earth, And when we lie down in a field or on a couch, drugged perhaps by the hum of a warm afternoon, they think we are looking back at them, which makes them lift their oars and fall silent and wait, like parents, for us to close our eyes.

 

Shake It For Me
Howlin' Wolf




Começa sem os segundos iniciais.
Clipe original.
***
It begins without the initial seconds.
Original clip.

 

The Holy War
Red Army Choir




Com fotos e posters russos de propaganda.
Com legendas em inglês.
***
With photos and Russian propaganda posters.
With English subtitles.

 

Stalin visits Berlin
Mikheil Chiaureli




Filme de propaganda pró Stalin.
Ficção.
Em russo, sem legendas.
***
Propaganda film pro Stalin.
Fiction.
In Russian, no subtitles.

 

Camille
Greta Garbo
1936




E Robert Taylor.
***
And Riobert Taylor.

 

Amor Mio
Mina
1972



 

Born to Take the Highway
Joni Mitchell
1965




Antes de ser Joni Mitchell, ela era Joni Anderson de Saskatoon.
Aqui estão também Dave Van Ronk, Tom e Harry Chapin, além de Oscar Brandt.
***
Before being Joni Mitchell, she was Joni Anderson of Saskatoon.
Here are Dave Van Ronk, Tom and Harry Chapin, besides Oscar Brandt.

 

Poemas - 40
Poems - 40


Fisionomia

Ana Cristina Cesar

não é mentira

é outra
a dor que dói
em mim
é um projeto
de passeio
em círculo
um malogro
do objeto
em foco
a intensidade
de luz
de tarde
no jardim
é outra
outra a dor que dói

21.6.07

 

Down By the Riverside
Sister Rosetta Tharpe



 

As Jovens nas Margens do Sena
The Young Ladies on the Banks of the Seine
Gustave Courbet
1857



 

Dança do Ventre Turca
Turkish Belly Dance
Elçin



 

Kyudo em Londres
Kyudo in London




Arco e flecha.
***
Archery.

 

Minnie The Moocher




Do filme Cotton Club de Francis Ford Coppola.
***
From the film Cotton Club of Francis Ford Coppola.

 

Video Blogs
Luc Besson




Em inglês, sem legendas.
***
In English, no subtitles.

 

Travolti Da Un Insolito Destino Nell'Azzurro Mare D'agosto
Giancarlo Giannini &
Mariangela Melato




Em Italiano, sem legendas.
***
In Italian, no subtitles.

 

Asa Branca
Hermeto Pascoal & Elis Regina




Festival de Montreux, 1978.
***
Montreux Festival, 1978.

 

John Henry
Bruce Springsteen




Em inglês, sem legendas.
***
In English, no subtitles.

 

Budapest
Billy Collins




My pen moves along the page like the snout of a strange animal, shaped like a human arm and dressed in the sleeve of a loose green sweater. I watch it sniffing the paper ceaselessly, intent as any forager that has nothing on its mind but the grubs and insects that will allow it to live another day. It wants only to be here tomorrow, dressed perhaps in a sleeve of a plaid shirt, nose pressed against the page, writing a few more dutiful lines while I gaze out the window and imagine Budapest, or some other city where I have never been.

20.6.07

 

Colchão Mole e Coxão Duro


Segundo o Macaco Simão, o lance do presidente do Senado Federal é baby-beef.

 

Frankie & Johnny
Johnny Cash
1959




Velha canção folklórica.
***
Old folk song.

 

Os Gatos
Laerte



 

O Professor Aloprado
The Nutty Professor
IX


O sr. Roberto Mangabeira Unger tomou posse ontem na Secretaria de Planejamento de Longo Prazo (Seplestra). Nunca vi ninguém tomar posse com cara e discurso tão agressivos, exceto na ditadura militar. O constrangimento geral só perde pelo provocado pelo incrível pecuarista, senador Renan Calheiros. Aposto que esse senhor vai dar o que falar no curtíssimo prazo.
Segue a novela.
***
Mr. Roberto Mangabeira Unger was inaugurated yesterday in the Long Term Planning Secretary (Seplestra). I never saw anyone with such an aggressive face and speech in a ceremony like that, except during the military dictatorship. The general embarrassment is only smaller than the one provoked by that amazing cattle raiser, senator Renan Calheiros. I bet this gentleman will be in the news in the very short term.
The story continues.

 

Patinando no Central Park
Skating in Central Park
William Glackens
1910



 

Irish Jigs
The Waterboys




 

Fenda Dupla
Double slot




Animação.
Física Quântica.
Em português, sem legendas.
***
Animation.
Quantum physics.
In Portuguese, no subtitle.

 

Nocturne
Lars Von Trier
1980




Feito quando era estudante.
Em dinamarques, sem legendas.
***
Made when he was a student.
In Danish, no subtitles.

 

Indagine Su Un Cittadino Al Di Sopra Di Ogni Sospetto
Gian Maria Volonté




Em italiano, sem legendas.
***
In Italian, no subtitles.

 

Joshua Fit The Battle of Jericho
Mahalia Jackson
1960




Gospel clássico.
***
Classic gospel.

 

Hermeto Pascoal




Tocando piano em casa.
***
Playing the piano at home.

 

Nine Below Zero
Sonny Boy Williamson




Em inglês, sem legendas.
***
In English, no subtitles.

 

Walking Across the Atlantic
Billy Collins




I wait for the holiday crowd to clear the beach before stepping on to the first wave. Soon I am walking across the Atlantic thinking about Spain, checking for whales and waterspouts. I feel the water holding up my shifting weight. Tonight I will sleep on its rocky surface. But for now I try to imagine what this must look like to the fish below, the bottoms of my feet appearing, disappearing.

19.6.07

 

O Professor Aloprado
The Nutty Professor
VIII


E amanheceu o dia em que o sr. Roberto Mangabeira Unger está no centro do universo, suas engrenagens prontinhas para girar (citando Frank Herbert em Duna). Antes de acontecer, sua nomeação já gerou um efeito: o coronel Oswaldo Oliva Neto, irmão do senador Aloizio Mercadante Oliva (PT-SP), pediu demissão do cargo de secretário-geral do NAE (Núcleo de Assuntos Estratégicos).
A posse será hoje no Palácio do Planalto.
E segue a novela.

***
And the day dawned in which mr. Roberto Mangabeira Unger stands at the hub of the universe, his wheels ready to spin (quoting Frank Herbert in Dune). Before taking place, his nomination has already generated an effect: the colonel Oswaldo Oliva Neto, a brother of the senator Aloizio Mercadante Oliva (PT-SP), resigned from the position of secretary-general of NAE (Nucleus of Strategic Matters).
The ceremony will take place today at the Palácio do Planalto (the Plateau Palace).
The story continues.

 

Gato
Laerte



 

Haydn Trumpet Concerto
1796
Rafael Mendez




Em inglês, sem legendas.
***
In English, no subtitles.

 

Máscara com Chifres
Mask with Horns
Costa do Marfim
Ivory Coast



Feita pelo povo Dyula. Liga de cobre.

***

Made by the Dyula people. Copper alloy.


 

O Triunfo e a Tragédia de um Gênio
The Triumph and Tragedy of a Genius
J. Robert Oppenheimer




Em inglês, sem legendas.
***
In English, no subtitles.

 

Mojo Hand
Lightnin' Hopkins
1962



 

Taxi Driver
Martin Scorcese
Robert De Niro




Em inglês, sem legendas.
***
In English, no subtitles.


 

Virgem
Marina Lima
Antonio Cícero




Com a participação do poeta e filósofo Antonio Cícero.
***
With the participation of the poet and philosopher Antonio Cícero.

 

Questo Nostro Amore
Rita Pavone
1967




Trilha do filme Non Stuzzicate La Zanzara de Lina Wertmuller.
Em italiano, sem legendas.
***
Soundtrack of the film Non Stuzzicate La Zanzara of Lina Wertmuller.
In Italian, no subtitles.

 

Carta de Um Louco
Carta De Un Loco
Guy de Maupassant
Giancarlo Giannini




Em italiano com legendas em espanhol.
***
In Italian with Spanish subtitles.

 

Zanoba
Canção Sudanesa
Cantores Etíopes
Sudanese Song
Ethiopian Singers




Em árabe sudanês.
***
In Sudanese Arabic.

 

O Melhor Cigarro
The Best Cigarette
Billy Collins




There are many that I miss having sent my last one out a car window sparking along the road one night, years ago. The heralded ones, of course: after sex, the two glowing tips now the lights of a single ship; at the end of a long dinner with more wine to come and a smoke ring coasting into the chandelier; or on a white beach, holding one with fingers still wet from a swim. How bittersweet these punctuations of flame and gesture; but the best were on those mornings when I would have a little something going in the typewriter, the sun bright in the windows, maybe some Berlioz on in the background. I would go into the kitchen for coffee and on the way back to the page, curled in its roller, I would light one up and feel its dry rush mix with the taste of dark coffee. Then I would be my own locomotive, trailing behind me as I returned to work little puffs of smoke, indicators of progress, signs of industry and thought, the signal that told the nineteenth century it was moving forward. That was the best cigarette, when I would steam into the study full of vaporous hope and stand there, the big headlamp of my face pointed down at all the words in parallel lines.

This page is powered by Blogger. Isn't yours?